Oracle negocia prorrogar cortes de preços do Governo Federal

Ana Paula Lobo … 24/07/2020 … Convergência Digital

Em dezembro encerra o acordo feito pela Oracle com o Governo Federal para redução dos preços de serviços prestados e a empresa se adianta e informa que já está negociando a prorrogação do acerto com a Secretaria de Governo Digital.

“Foi uma medida necessária. A transformação digital é agenda. Estamos entre os três maiores fornecedores do governo. Temos um papel na padronização das compras públicas”, adianta o vice-presidente de serviços públicos da Oracle Brasil, Rodrigo Solon Chaves, em entrevista ao Convergência Digital.

A Oracle concedeu uma redução de 31% e foi a primeira companhia a fechar um acordo com o Governo. A Microsoft, por exemplo, não aceitou a primeira negociação com o governo federal para baixar os custos e teve uma redução unilateral de 35% em 2019 – em 2020, voltou à mesa e o corte ficou em 22%. IBM, Red Hat e VMWare negociaram e tiveram custos reduzidos, respectivamente, de 29,3%, 21,3% e 13,6%. 

As reduções de preço determinaram a construção de novos catálogos de serviços e envolvem os serviços mais comumente adquiridos pelos órgãos federais. “A Covid-19 nos permite prever que vai haver um gargalo de investimentos do governo. Cabe a nós criar condições para manter a digitalização. As compras padronizadas são um modelo de busca da eficiência”, completa Solon Chaves.

Fonte: Convergencia Digital

Please follow and like us:

Related posts

Leave a Comment